Atividade física e FIV: como se relacionam?

Uma pergunta comum entre os pacientes que buscam realizar a FIV é sobre as atividades físicas durante o tratamento. 

As atividades físicas são comprovadamente uma medida eficaz para reduzir o estresse ao mesmo tempo que auxiliam na manutenção de uma vida saudável.

No texto de hoje falaremos um pouco mais sobre a relação entre atividade física e a Fertilização in Vitro. Vamos lá!

Atividade física antes do tratamento

Se você ainda não começou o tratamento de reprodução humana, mas está tentando engravidar, saiba que praticar atividade física pode te ajudar a aumentar suas chances, 

A atividade física irá atuar no combate ao estresse, que, se muito elevado, pode atrapalhar sua qualidade de vida. Porém, se você já iniciou o tratamento, é importante realizar algumas considerações sobre o tema.

Posso praticar atividade física durante o tratamento da FIV?

Durante a estimulação ovariana, é recomendável ter uma rotina mais tranquila, pois os ovários aumentam de tamanho por efeito das medicação chamado gonadotrofinas; hormônio utilizado para a estimulação ovariana.

A partir do aumento de tamanho dos ovários, a paciente pode sentir algum tipo de incômodo durante exercícios sendo importante checar com seu médico quais modalidades estão liberados para você.

E após a transferência embrionária?

Depois de realizar a transferência embrionária, o momento é de repouso e cabe esperar que os embriões, que agora estão no útero materno se fixe estabelecendo as conexões que confirmarão o sucesso do tratamento com o positivo da gravidez. Neste momento, não é recomendável a realização de exercícios pesados.

Após confirmação da gravidez, as atividades físicas suaves estão liberadas. 

Atividade física durante a gestação

O pilates e yoga adaptado a gestantes, podem trazer grandes benefícios principalmente para preparar-se para o parto e diminuir dores nas costas independente da gravidez ser obtida por reprodução assistida ou de maneira espontânea. 

Outra atividade física recomendada é a hidroginástica, que não gera nenhum tipo de tensão que pode ser prejudicial a gestante.

Não deixe de consultar o médico

Ressaltamos também a importância de conversar com seu médico antes de iniciar qualquer atividade física. A orientação médica deve ser levada como um guia em todas as etapas do tratamento de fertilidade.

Equipe Médica Revisora do Texto

Dr. Ricardo Marinho, Dra. Hérica Mendonça, Dra. Leci Amorim, Dr. Fábio Peixoto, Dra. Luciana Calazans e Dr. Leonardo.

Deixe um comentário

Por favor, seja educado. Nós gostamos disso. Seu e-mail não será publicado e os campos obrigatórios estão marcados com "*"